O mistério fascina o ser humano, isso não podemos negar. Desde épocas remotas, buscamos desvendar os segredos do mundo e da vida. Contudo, nem sempre temos as respostas que tanto buscamos. E o que isso tem a ver com Teotihuacan? Explico: a região arqueológica, que fica a duas horas da Cidade do México, é um lugar misterioso, com pirâmides fascinantes e que quando conhecemos partimos deslumbrados, mas sem qualquer resposta.

O mistério começa pelo nome. “Teotihuacan” significa o lugar onde alguém se torna Deus (ou Deusa, né mores? Não vamos deixar o lado divino do feminino de fora). Dizem que a região abrigou diversas civilizações como os astecas, maias, zatecas e mixtecas. Dizem também que a primeira população da região é de 600 a.C. Na época, aquele povo vivia da produção de utensílios domésticos com argila. O mais interessante é que, atualmente, há na região diversos artesões que sobrevivem vendendo sua arte.

Tentando desvendar os mistérios de Teotihuacan

Imagem relacionada

Imagem: Tehuacan.co/divulgação

Conheci a região arqueológica em um dia que não fazia muito sol. De certa forma, isso foi bom, pois há muitas e muitas escadas para subir e descer. Haja disposição.

Entrei pelo Portão 1 e recomendo que você faça o mesmo, pois a partir dessa entrada é possível caminhar e ir desbravando o lugar. Não se espante com as pessoas que vão te abordar tentando vender sua arte, é algo muito comum. Se não quiser comprar, basta recusar.

Confesso que a caminhada foi longa. Por isso, vá de manhã para aproveitar tudo. Você irá conhecer diversas pirâmides. Em algumas não é permitido subir, apenas admirar. Contudo, são as Pirâmides do Sol e da Lua que fascinam. São gigantes e nos fazem pensar o trabalhão que deu para construir aquilo e como foi possível. Afinal, a antiga população não possuía as facilidades que temos hoje. É simplesmente fascinante. O mais interessante é que somente quando subimos nessas pirâmides entendemos o significado do nome Teotihuacan. Ali de cima, vendo toda a região, nos sentimos deuses.

Por conta disso, na minha opinião, conhecer essa zona arqueológica é um passeio imperdível para quem está no México. É caminhando pelas pedras da região, vendo lugares que eram casas, que pensamos na estrutura daquela sociedade e percebemos a importância das civilizações antigas na construção do mundo de hoje. É algo incrível e um privilégio.

Saiba como chegar da Cidade do México a Teotihuacan

Muitas pessoas contratam agência para visitar Teotihuacan. Sinceramente, dá para ir sozinha tranquilamente e ainda economizar muito. Para isso, basta ir até o Terminal Central de Autobuses del Norte. Chegando ao terminal, vá até o guichê da Autobuses Teotihuacan.

No momento de comprar a passagem (que custa mais ou menos 40 pesos), fale para o atendente que quer ir para Zona Arqueológica. É muito importante que você fale isso, pois há outros ônibus que não passam em Teotihuacan. Além disso, quando embarcar no ônibus, avise ao motorista que vai descer em Los Pirámides. Descendo no Portão 1, você logo verá a entrada. O ingresso custa 70 pesos.

 

Faça um comentário