Conheça Paranapiacaba, a charmosa vila inglesa pertinho de São Paulo

O estado de São Paulo possui lindos destinos turísticos, com muitas histórias e culturas. Entretanto, ainda pouco conhecidos. Como é o caso de Paranapiacaba, uma charmosa vila inglesa, no distrito de Santo André, que fica a apenas 50 km da cidade de São Paulo.

Construída no século XIX, a vila era um acampamento para os trabalhadores ingleses que atuavam na construção de uma estrada de ferro, que surgia com objetivo de impulsionar o comércio de café no estado. Devido à forte presença britânica, muito da arquitetura da vila foi construída no estilo inglês.

Por isso, caminhando pelas ruas encontramos uma réplica do Big Ban de Londres, casinhas de madeiras construídas em estilo rústico e uma ferrovia. Todos esses cenários entram contratastes com um manancial de Mata Atlântica e uma neblina que aparece do nada, o que dá um ar autêntico e charmoso para Paranapiacaba, que em tupi-guarani quer dizer “lugar de onde se vê o mar”.

A vila é um destino ótimo para quem quer sair um pouco da rotina louca das grandes cidades, passar um dia tranquilo ou até mesmo se aventurar pela mata. Em apenas um dia, é possível conhecer todos os pontos turísticos da região. Além disso, há seis trilhas para quem quer entrar em contato com a natureza.

Passei um domingo em Paranapiacaba e foi uma experiência muito bacana. Cheguei por volta das 12hs, almocei em lugar simples, mas com uma comida muito saborosa e passei o dia andando pelas ruas, respirando ar puro e me surpreendendo com a tranquilidade e beleza do local.

No final do dia, eu e um amigo sentamos em bar, com música ao vivo e curtimos nossos últimos momentos na vila ao som de Raul Seixas. Foi incrível e por isso recomendo a todas conhecer esse lugarzinho mágico.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Saiba o que fazer em Paranapiacaba

Museu do Sistema Funicular

Se você procura um passeio histórico, esse museu é uma boa escolha. Ali estão os trens utilizados no século XIX e vagões que transportavam D. Pedro II.

Endereço: Pátio Ferroviário, s/nº |

Valor: R$5,00.

 

Museu Castelo

No topo de uma montanha, está o Museu Castelo. A construção em estilo vitoriano encanta qualquer um. Antiga morada de Frederic Mens, engenheiro-chefe da ferrovia em 1987, o Museu possui móveis antigos, documentos e um acervo de equipamentos utilizados para a construção da ferrovia.

Endereço: Caminho do Mens, s/nº.

Valor: R$ 2,00.

 

Trilhas

No Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba há seis trilhas, com diferentes níveis. Para aqueles que não dispensam uns minutinhos próximo a natureza, vale a pena fazer ao menos uma.

 

Restaurante Cantinho da Terra

Quando bater a fome, a indicação é correr para o restaurante Cantinho da Terra. O local possui a comida com preço mais acessível da região e pratos saborosos.

Endereço: Rua da Estação, 399.

 

Experimente a cachaça do Cambuci

Dizem que a melhor cachaça do Cambuci está em Paranapiacaba. Produzida artesanalmente com o Cambuci, fruta tipicamente da mata atlântica, a bebida é realmente muito boa. Em diversos locais é possível encontrar a cachaça. Não deixe de experimentar.

Valor: R$ 2, uma dose.

Como chegar em Paranapiacaba?

Se você está na cidade de São Paulo há três opções para chegar na vila. Veja cada uma delas abaixo.

Carro –O ideal é pegar a via Anchieta e seguir até o quilometro 29 no Riacho Grande. Depois é só pegar a rodovia Caminho do Mar e seguir até o quilometro 33. Na estância Alto da Serra começa a Rodovia Índio Tibiriçá. Você deve seguir e ir até o quilometro 45 e sair  à esquerda na Rotatória antes da Ponte Seca. Mantenha-se à direita no sentido Rio Grande da Serra, pela Rodovia Dep. Adib Chamas – SP 122. Siga em frente até o final da rodovia e chagará na parte alta de Paranapiacaba.  O trajeto dura cerca de uma hora.

Metrô + Trem + ônibus – Na estação Brás, da linha vermelha, faça transferência e pegue o trem sentido estação Rio Grande da Serra. Nessa estação, há um ônibus intermunicipal para Paranabiacaba. É só pegar ele e descer no ponto final. O valor do metrô é de R$ 3,80, a transferência é gratuita e o ônibus saí por R$ 5,20.

Expresso turístico – Na estação da Luz, linha azul, há um expresso turístico que leva até Paranabiacaba. O trem faz o caminho aos domingos às 8h30 e o percurso leva cerca de 1h30 passando por diversos pontos históricos. A passagem saí em média R$ 45,00.

Faça um comentário

Aviso

A reprodução total ou parcial do conteúdo publicado no M pelo Mundo, sem a autorização do site, é proibida pela Lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.

Nathalia Marques
About Nathalia Marques 65 Articles
Sou jornalista de formação e conto com passagens por diversos veículos de imprensa. No entanto, foi como repórter de turismo que encontrei minha paixão. Sou feminista e em 2015 decidi juntar jornalismo, viagem e empoderamento feminino para criar o portal M pelo Mundo.