Go sola: o aplicativo que deverá ajudar mulheres que viajam sozinhas

Reprodução / Facebook

As pós-graduandas Ana Gabriela Sotero Machado e Giovana Pardo Razeira estão desenvolvendo um aplicativo para mulheres viajantes. O “Go Sola” que deverá conectar mulheres que viajam sozinhas por meio de um mapa interativo e colaborativo em tempo real. No app, cada viajante poderá alertar os perigos que outras mulheres poderão enfrentar em determinados destinos seja no Brasil ou no mundo.

 “Go Sola” ainda não tem uma data definida para lançamento, mas em entrevista ao portal Social Bauru, as meninas comentaram que o projeto está em andamento. “… Iremos atrás de investidores, além da ideia de criar uma campanha de crowdfunding”, explicou Ana.

Mesmo em fase de desenvolvimento, “Go Sola” já ganhou o primeiro lugar no “Empreenda São Paulo”, um concurso organizado pela Senac. “Foi uma experiência muito rica! Passamos por várias fases até chegar à apresentação final. Foram muitos os projetos inscritos e apenas cinco equipes foram finalistas na categoria Pós Graduação. Confesso que fiquei muito orgulhosa de trazer para Bauru o primeiro lugar!”, contou Razeira, em entrevista ao portal Social Bauru.

 

Faça um comentário
Sou jornalista de formação e conto com passagens por diversos veículos de imprensa. No entanto, foi como repórter de turismo que encontrei minha paixão. Sou feminista e em 2015 decidi juntar jornalismo, viagem e empoderamento feminino para criar o portal M pelo Mundo.

Leia também:

Aviso

A reprodução total ou parcial do conteúdo publicado no M pelo Mundo, sem a autorização do site, é proibida pela Lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.