10 dicas para quem vai se hospedar em um hostel pela primeira vez

Pariwana Hostel Lima / HostelWorld (divulgação)

É muito comum, entre quem vai se hospedar em um hostel pela primeira vez, ter diversas dúvidas: “Pelo amor da Deusa, onde vou guardar minhas coisas?”, “Dorme todo mundo junto?”, “É seguro?”, “O que devo levar?”.

Mas, relaxa, que essas dúvidas já passaram na cabeça de muitas viajantes iniciantes. E, para te ajudar na sua primeira vez nesta jornada, reuni algumas dicas. Porém, antes disso, é necessário ter em mente o que é um “hostel”, para não confundir com “hotel”.  

Para quem não sabe, um hostel é “um tipo de acomodação que se caracteriza pelos preços convidativos e pela socialização dos hóspedes, onde cada convidado pode arrendar uma cama ou beliche, num dormitório compartilhado, com banheiro compartilhado, lavandaria e por vezes cozinha. Os quartos podem ser misturados entre sexos, como divididos entre eles, incluindo igualmente quartos privados”. (Obrigada, Wikipédia). Dito isso, vamos lá!

O que você precisa saber para se hospedar em hostel pela primeira vez

1- Devo reservar um hostel?

Sim. É importante para que você não prejudique sua viagem. Já pensou chegar ao hostel e não ter cama disponível? Chato, né? Melhor garantir sua cama antes de chegar. No Booking.com e no HostelWord você pode encontrar hospedagens no mundo todo e reservar sua hospedagem.

Além de preços mais acessíveis, os sites apresentam as avaliações de outros viajantes. É muito importante analisar o que os outros dizem para saber se realmente vale a pena se hospedar no hostel que você quer.  

2- Quarto misto ou feminino?

Os hostels possuem quarto misto, onde dormem homem e mulher, e somente feminino. Decidir qual é a melhor opção é algo muito pessoal. Você se sente confortável em dividir quartos com homens? Vai nessa. Não? Então é melhor optar por um quarto feminino.

3- É seguro se hospedar em hostel?

É uma pergunta relativa. Eu nunca tive problema, mas também nunca dei bobeira. Sempre guardo minhas coisas no armário e ando com a chave comigo. Além disso, analiso as avaliações de outros viajantes no site de reserva para saber se já houve casos de furtos etc. 

4- Leve cadeado com chave

A maioria dos hostels disponibiliza armários para você guardar suas coisas. Por isso, é importante que você leve um cadeado com chave.

5- Leve máscara para os olhos e protetor auricular

Se você não consegue dormir com barulho e iluminação, leve uma máscara para os olhos e um protetor auricular. Isso ajuda caso alguém chegue de madrugada, por exemplo, ou acorde mais cedo.

6- Confira se vai precisar de roupa de cama, cobertor e toalha

Muitos oferecem roupa de cama, cobertor e toalha. No entanto, você deve confirmar isso no site. No Booking.com e no HostelWord, é possível saber se o hostel oferece ou não. Caso não, você deve levar de casa.

7- Staff pode te ajudar

O staff, galera que trabalha no hostel, pode te ajudar com suas principais dúvidas. Não tenha vergonha de perguntar qual é a melhor opção para chegar a algum lugar ou o melhor restaurante para comer. Enfim, peça ajuda caso tenha alguma dúvida sobre o destino.

8- Walking tour gratuito  

Muitos oferecem atividades gratuitas como, por exemplo, walking tour. Por isso, não esqueça de perguntar quando acontece e faça o passeio, pois muitas vezes vale a pena.

9- Você pode cozinhar

Normalmente, há cozinha. Isso é maravilhoso, pois você pode ir no mercado comprar os ingredientes e fazer sua comida. Fazendo isso, você poderá ter uma boa economia com a sua grana.

10- Aproveite o ambiente

Ali, há pessoas de diversos lugares do mundo e isso é maravilhoso, pois você pode socializar, conhecer novas culturas e quem sabe fazer bons amigos. Por isso, deixe a vergonha de lado e se abra para o novo. 

Faça um comentário
Sou jornalista de formação e conto com passagens por diversos veículos de imprensa. No entanto, foi como repórter de turismo que encontrei minha paixão. Sou feminista e em 2015 decidi juntar jornalismo, viagem e empoderamento feminino para criar o portal M pelo Mundo.

Aviso

A reprodução total ou parcial do conteúdo publicado no M pelo Mundo, sem a autorização do site, é proibida pela Lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.